Nosso Réveillon

É com muito amor e emoção que começo este post, pois estou “perdendo a virgindade” na seção “Qual é a boa?”, afinal, este trabalho árduo sempre fica para a Renatinha. Como estamos às vésperas do fim do ano (não confundam com fim do mundo), resolvemos escrever um pouquinho sobre como passaremos a nossa virada!

Eu nunca fui viciada em festas de Réveillon, mas sempre gostei de curtir com os amigos. Já passei na praia, em festa VIP, casa de amigos etc., mas este ano resolvi fazer algo bem intimista (mentira! Eu viajei pra Europa e o dinheiro acabou!). Passarei a virada do ano na casa de mamãe no maior estilo churrascada. Minha mãe pediu uma ajuda de custo no valor simbólico de R$ 50 para que possamos desfrutar das melhores carnes de 2ª e 3ª que há no mercado e bebericarmos um pouquinho de Sidra e Dolly.

É Bruna, o meu Réveillon não será muito diferente do seu não, porque enquanto você estiver curtindo a sua churrascada, eu estarei no meu rodízio. Se não bastasse toda a gulodice do Natal, meu ano novo, além de um verdadeiro show de petiscos na residência oficial de um casal de amigos, vai ser arregado* de muita Ice, cerva, uísque e Redbull! Como boa promoter de festas, eu e a anfitriã do evento já fomos ao Mercadão de Madureira para comprar os itens de decoração, que vão desde imensos balões dourados 2014 (óbvio) e muitos pisca-piscas! Com certeza, vamos entrar no novo ano com muita luz, mas paz não está nos planos! No repertório, muito samba,funk e pagode daquele jeito! Sim! Essa festa promete!

Diferente de vocês, a virada do ano está  chegando e com a correria do trabalho, ainda não tenho nada planejado… Na verdade, são duas opções e não decidi ainda, porque sempre decido em cima da hora e dá super certo: passarei na casa da minha irmã na Lagoa ou então, na praia do Leblon com amigas e meu namorado.Tanto uma quanto a outra me deixarão super feliz, pois o importante é estar ao lado das pessoas que amamos independente do lugar!!!!!!!

f374a-marcela2

Esse ano não foi possível passar o Natal e o Ano Novo com minha família no Brasil  e com a família do meu marido no Canadá. Como a maior parte dos nossos amigos aqui de Melbourne também são estrangeiros e não foram visitar seus parentes no exterior, decidimos nos reunir e fazer uma grande festa de Natal e Ano Novo.

O Natal foi aqui em casa e comemoramos com um churrasco, com direito a picanha, coração, farofa e molho à campanha.  O Ano Novo será na casa de um amigo australiano, mais do sul da Austrália, e da namorada dele americana.

O Réveillon aqui não é uma festa muito grande como em Sidney e, muito menos, quanto comparado ao Brasil. Acho que o grande fator pra isso é o fato de que não  se pode beber na rua – imagine comemorar a virada sem estourar um champagne! Só que aqui tem queima de fogos também – pequena, mas tá valendo! Vai ser o primeiro ano novo com os amigos que passaremos aqui em Melbourne. Tenho certeza que vai ser bem divertido, considerando que há representantes de quase todas as nacionalidades na festa.

 Recém solteira e agitadíssima que sou, merecia um Réveillon em alto estilo… Cheguei a pensar em ir para Jurerê com amigas, mas tive que desistir pensando na fortuna que estou para gastar no Carnaval (“Carnaval na Bahia, oitava maravilha, nunca irei te deixar, meu amor”).
Então decidi ir para uma dessas festas que rolam aqui pelo Rio. Há festas para todos os gostos por aqui… Eletrônico, samba, bandas tipo Celebrare, funk, pagode… Eu optei pelo Reveillon da Gávea. O que vai ter lá? Olha, o que eu lembro é que vai ser na Sociedade Germânica (não sei onde fica, mas me pareceu chique, bem!), vai ter bloco Fica Comigo e Sapucapeta, e vodka Ciroc (ok, foi isso que me convenceu!).
Se a festa vai ser alto nível como está parecendo eu não sei, mas que eu vou me divertir horrores, disso não tenho a menor dúvida! Porque no fundo o que mais importa é ter boa companhia e motivos de sobra para agradecer e ser feliz!
2014
*gíria carioca que significa cheio de comida ou bebida.

Então, é Natal!

arvore“Já é Natal na Leader Magazine!”, essa musiquinha é o start para percebermos que o final de ano chegou! Junto com ele, vem a ansiedade pelo cumprimento das metas de 2014 e  a alegria das festas de Natal em família! Alegria? Vejamos…

O nome da coluna é “Excesso de gostosura”, então, não posso deixar de falar da ceia de Natal! Quando criança, era muito mais fácil participar, porque tomava meu banho, colocava a roupa nova e partia pra festa! Festa? Que nada! Minha mãe, avós e tios ficavam tão cansados de cozinhar na véspera, que antes de meia noite, no momento tão esperado pelos pequenos, eles já estavam roncando no sofá! Eu cresci e não admitia aquilo, então criei artifícios para mantê-los acordados. No primeiro ano, foi o bingo com prendas de R$1,99, no segundo, foi um jogo de adivinhações, tipo: “qual a altura do maior pico do mundo?”, enfim, várias eram as brincadeiras para que eles desfrutassem conosco daquele momento de abrir os presentes, o mais importante é que dava certo!

BUTTERBALL TURKEYA fase adulta me fez perceber uma coisa muito boa: além de degustadora, para não dizer gulosa, também sou boa cozinheira e, assim como minha mãe, passo a véspera de natal assando o peru de natal (que é tão fácil de fazer, vem temperado e pronto pra assar- essa musiquinha sempre vem na minha cabeça quando falo do peru…rs). Minhas outras especialidades são a torta de bacalhau e, de sobremesa, o pavê de chocolate, que é receita de mamys!

Lá em casa tem tanta fartura que é bem complicado arrumar espaço na geladeira para promover o almoço do dia 25, mas a galera sempre dá um jeito de garantir aquela rabanada geladinha de manhã com o café pelando e o imenso peru de Natal que sempre sobra pro dia seguinte. Falando em peru, enquanto ele estiver no forno, você pode otimizar o seu tempo embrulhando presentes, fazendo aquela farofinha ou se divertindo com seu namorado, marido, noivo e afins (falando nisso – você já comprou seu modelito mamãe noel?)…valerá a pena! #ficaadica

presentes de natal 1 Viu? Aos 30 anos, já sou cozinheira de mão cheia, mas diferente deles, eu não durmo não, tá? Fico bem acordada para ver minha afilhada  de 2 aninhos abrindo as caixas numa felicidade só e isso não tem preço! Óbvio que também adoro abrir os  que recebo, mas admito: melhor do que isso, é ver a reação de quem está ganhando o presente.

Quando eu tinha uns 10 anos, o foco não eram os presentes,  minha mãe, por exemplo,  investia no envio de cartões natalinos pelos Correios! Eu transformava o dia de comprar os cartões em uma festa particular. Ainda em novembro, íamos ao camelô na esquina da minha casa e a escolha era a dedo. Hoje em dia, chega a ser cansativo pensar nessa possibilidade com essa vida corrida, tão diferente dos anos 90! Para não deixar a tradição morrer, esse ano, eu resolvi distribuir cartões, então pulei a parte da postagem, mas o texto continua personalizado.  #sósucesso

abraçoAcho que todo mundo, sem exceções, tem histórias de Natal para dar e vender com a família e com os amigos. Nesse mundo tão volátil, são esses momentos de retribuição, troca e cumplicidade que a gente leva da vida.

Apesar da ausência de entes queridos sentida pelos adultos e, para as crianças, da descoberta traumática de que o bom velhinho não existe, só depende de nós,  fazermos dessa noite, uma noite de troca. Não falo só da troca de presentes, falo da troca do abraço! Aproveite esse momento, para abraçar aquele amigo que você só vê nos encontros de final de ano, aquele familiar que você se desentende de vez em quando, aquela vovó gostosa e a mamãe, com aquele abraço caloroso que só ela sabe dar!

Feliz Natal a todos! 🙂

________________________________________________________________

Dica de brincadeira para a noite de Natal

1- Peça a cada participante da ceia para levar um presente unissex de determinado valor;

2- Coloque todos os os presentes em cima de uma mesa e distribua números entre os participantes;

3- Peça a cada participante que pegue um número, lembre-se essa será a ordem em que cada um escolherá o presente da mesa durante a primeira rodada;

4- Na segunda rodada, seguindo a mesma ordem do sorteio, um pode roubar o presente do outro sem dó nem piedade!

5- Depois de roubar, cada um abre seu presente, o que  vai gerar bastante polêmica…rs

@A dica é camuflar os presentes, para que ninguém saiba o que é! 🙂

___________________________________________________________

por Renata Lopes

b343f-euedit

 ”Sorrir é o melhor remédio” esse é o meu lema! Carioca, sonhadora e com uns quilinhos a mais, conquistados após os 20 anos e bem aceitos com a chegada dos 30. Não vou ser hipócrita de dizer que isso não me incomoda, mas também sou realista e tento usar o meu “excesso de gostosura” a meu favor, sempre! Aguarde e confie nas dicas “Plus” da coluna!

Mix de arte e comprinhas para o sábado

feiraA  dica de passeio do blog “Trinta, e daí?” para este sábado é a Feira do Rio Antigo. O local, além de oferecer arte e cultura aos seus visitantes, é uma boa oportunidade para os mais atrasados nas  comprinhas de Natal.

Então, se você se desesperou quando aquele primo distante ligou de última hora avisando que vai passar Natal na sua casa, uma boa solução é:  dar um “pulinho” na feira da Lavradio! Você vai gostar das opções de lembrancinhas e ainda vai prestigiar os artesãos cariocas.

Aproveite o passeio, respire um pouco de arte, cultura, entretenimento e … fuja do shopping!

Site

www.polonovorioantigo.com.br

Local

Rua do Lavradio – Centro – Rio de Janeiro, RJ

Horário de Funcionamento

Das 10h às 19h

#curiosidade: a rua do Lavradio, a primeira rua residencial da cidade, abraça este evento que acontece todo primeiro sábado do mês e ganha um clima especial com a parte dos lojistas, antiquários, expositores e dos bares e restaurantes locais, que colocam mesas e cadeiras ao ar livre criando um clima de festa. O evento apresenta todo mês um programa imperdível que conta com shows de música e de dança em plena Rua do Lavradio e agora expandindo também para o 1° trecho das ruas do Rezende e do Senado.

Final de ano chegou e com ele a dúvida: que cor devo usar ?

looks
Desde pequena, sempre gostei muito de moda, além de mim, só minha irmã Bruna podia escolher minhas roupas (ela sempre foi minha inspiração e esse gosto em relação a moda vem muito por causa dela ). O tempo passou e essa vontade e personalidade para se vestir foram aumentando… recortando camisas, transformando roupas e tal, mas uma coisa me encucava sempre : a cor da roupa para passar a virada do ano.
Imagina uma pessoa que foi criada com os mitos e as crendices da vovó? Pois  é, era um sufoco, pois entrava ano, passava ano e eu queria TUDO, desde amor, dinheiro, paz, felicidade até  saúde e assim vaiiiii uma lista porque sou uma pessoa gulosa! Só que não dava para passar sempre de colorido, afinal era ano novo e não carnaval!
Eis que em 2012, com 30 anos completados, surgiu uma ideia, inclusive foi aí que constatei: aos 30 começamos a ter mega ideias! Tomei uma decisão que mudaria o meu novo ano: passarei a virada do ano toda de branco! Foi aí que pensei: ué, toda de branco? E as cores, e a saúde, e o o amor? (ai meu Deus!!! 30 anos encalhada não dá!) e o dinheiro? (encalhada e dura? Pior ainda!),  mas a ideia não era só passar de branco e sim amarrar fitinhas, tipo aquelas que as nossas mães usavam nos lacinhos das nossas caipiras.
Então,  na calcinha coloquei todas as cores de fitas que possam imaginar porque tinha certeza: algo daria certo em 2013! E não é que deu! Além de  encontrar a pessoa certa, fui promovida e desenvolvi minha paz interior, mas se você não tem fitinhas,  pode optar pela calcinha colorida mesmo!
calcinha ano novo
Aí vão as fotos de alguns looks e dicas para a virada do ano!
Visual praia
#fica a dica: caso vocês passem o reveillón na praia pleaseeeeee não usem salto, um par de havaianas ou até rasteira vai muito bem, afinal ano novo é dia para se soltar, pular, gritar e curtir à vontade!
looks2
Visual night
#fica a dica: se a escolha é uma mega festa, coloque a roupa, o salto e brilheeee, mas sempre lembrando que MENOS é MAIS . Porque uma mulher elegante passa pelos lugares sem ser percebida!
look
Visual color
coolor
Difícil de escolher, né? Enfim… como não sou egoísta, aí vai uma listagem com as cores e os seus significados para a virada do ano …

cores

Então, é isso! Espero que tenham gostado, e a minha próxima dica de moda será de looks para curtir o carnaval!
por Érika Viegas
d3a37-erika
Carioca, 3.1 cheia de energia vivendo cada minuto como se fosse o ultimo. Amo moda e vou poder compartilhar um pouquinho desse meu amor com vocês…Espero que gostem!

Que tal curtir uma exposição no finde?

bolasCom o Natal chegando, a galera prefere  economizar na diversão e investir nos presentes. Então, que tal essa opção de evento para o final de semana? A mostra “Obsessão Infinita” da japonesa Yayoi Kusama reúne 110 obras, realizadas entre 1949 e 2012, incluindo pinturas, trabalhos sobre papel, esculturas e o melhor é que a entrada é gratuita! A marca registrada da artista é  a figura da bola, presente em diversas cores e tamanhos — e numa quantidade exagerada.

Onde? CCBBRJ- Rotunda, 1º e 2º andares 

Quando? de quarta a segunda, das 9h às 21h – até 20 de janeiro

 

Natal com sabor de chocolate

natalQuando eu era criança, mesmo com as dificuldades da época, meus pais não deixavam de fazer festinhas no play do prédio para mim e meus irmãos, então eles acabavam nos envolvendo nos preparativos. Digo dificuldades, por não existirem  salões de festas grandiosos e casas especializadas em vendas de artigos. Até hoje me lembro muito bem da montagem dos  saquinhos surpresas na sala de casa e a expectativa da tão sonhada festinha.

Hoje em dia, como reflexo daquela época, gosto de pensar em como decorar o ambiente,  fazer a listagem do que comprar nas lojas especializadas, preparar guloseimas para servir e, em especial, fazer doces, que é um dos meus hobbies.  Isso é  muito legal, porque ajuda à beça na minha criatividade,  já que, em geral, tento me  adaptar ao que o mercado oferece, misturo coisas e o resultado é surpreendente!

Nesse primeiro post, optei por compartilhar com vocês uma dica de  sobremesa prática e deliciosa e um dos meus doces preferidos: a palha italiana. Aproveitem o clima natalino e experimentem a receita pra ocasião. É fácil e não dá muito trabalho para preparar! Vamos lá?

Abra a sua geladeira para ver o que você tem disponível e, se não tiver, coloque na sua lista de compras os seguintes ingredientes:

palha3

2 latas de leite condensado
1 caixa de creme de leite
150 g de chocolate meio amargo ou amargo (equivale a 1 barra de chocolate, quebrar nas divisões da barra)
1 colher de sopa de manteiga ou margarina
1 pacote de biscoito maizena
Açúcar para confeitar

Primeiro quebro o biscoito grosseiramente. Confesso que dessa parte eu não gosto muito, mas quando posso, sempre peço pra alguém fazer, principalmente as crianças que transformam aquele momento em diversão. Depois disso, separo os demais ingredientes, lembrando que antes de abrir a lata de leite condensado e creme de leite limpo as embalagens. Em fogo baixo, derreto a manteiga, acrescento o leite condensado e o chocolate quebrado. Assim que o chocolate incorporar ao leite condensado, acrescento o creme de leite. Depois, mexo a panela até começar a engrossar, desligo o fogo e acrescento o biscoito picado. Para finalizar, despejo a palha em forma ou marinex untada com manteiga e deixo esfriar. Por último, corto a palha e passo no açúcar. Hum, essa é a melhor parte!  Eu prefiro usar o açúcar confeiteiro, mas fica bom com o cristal ou refinado.

#ficaadica: para brigadeiro eu gosto de fazer em panela antiaderente, pois o fundo da panela não queima fácil. Eu tenho uma panela exclusiva para fazer doce, as doceiras especializadas em geral aconselham, mas confesso que faço por capricho, não vejo muita diferença quando faço em outras panelas.

#curiosidade: procurando a origem do doce palha italiana, descobri que se trata de uma versão ítalo-brasileira, porque na Itália o doce similar é conhecido como salame de cioccolato (salame de chocolate, que nada mais é do que chocolate com pedaços de biscoito, modelado no formato de salame). Como todo bom brasileiro culinarista é muito criativo, surgiu então a delícia do nosso brigadeiro unido com biscoito, dando origem a nossa deliciosa palha italiana.

Para incrementar a  mesa natalina, você pode decorar a palha. Nas imagens, têm algumas dicas legais de decoração.

Palha com fitinhas – para a mesa de Natal mescle fitas verdes com vermelhas!
palha 2
Palha na taça com laço vermelho – mais natalino que isso, impossível!
palha
Use e abuse da sua criatividade: tenho certeza de que vai ser só sucesso! 

por Flávia Reis

flavia
30 anos, carioca, formada em estatística, solteira, chocólatra e praticante de Pilates. Adoro bater uma perna no shopping ou no Saara com as amigas. Fazer gostosuras na cozinha, especialmente doces, é um dos meus maiores prazeres. Para mim, cozinhar é terapia!

A boa de sábado é: comprar!

Magras, cheinhas, coloridas e básicas, fiquem atentas à boa de sábado! O Bazar Multi de Natal reúne peças para todos os gostos e bolsos, porque os preços variam de R$5 a R$40, tamanhos do 42 ao 48 e os estilos  são variados! Saias, calças, blusas, vestidos, sapatos, bijus e bolsas estarão à venda!

O evento acontece desde 2011, quando Renata Lopes depois de passar por uma fase de consumismo desenfreado, optou por tirar suas roupas do armário e disponibilizar para as amigas e familiares.

Não percam essa oportunidade de renovar seu guarda- roupa!

bazar

 

Quando? Sábado, dia 07/12

 Que horas? Das 10h às 20h

 Onde? Na Av. Dom Helder Camara, 6766/402- Pilares

 Pagamentos:  à vista e parcelado